Dicas Para um Cabelo Mais Bonito

10 Erros que detonam o cabelo durante a chapinha

10 Erros que detonam o cabelo durante a chapinha

Rate this item
(0 votes)

mulher_chapinha_liso81.jpgA chapinha é o melhor procedimento capilar para quem gosta de manter os fios dos cabelos sempre lisinhos – aliada a tratamentos químicos ou não.

Porém, muita gente usa a chapinha indiscriminadamente, sem atentar aos cuidados que o uso delas requer, ou por falta de informação, ou descaso mesmo.

Seu uso pode causar danos, mas para ajudá-la(o) enumeramos abaixo os principais erros cometidos durante o uso da chapinha e o que fazer para evitá-los.

1. Fazer chapinha com o cabelo sujo

Muitas vezes as atividades diárias fazem com que não haja tempo suficiente para lavar os cabelos todos os dias. Porém, o desejo de mantê-los sempre lisos faz com que muitas pessoas usem naturalmente a chapinha para consertar o liso que está estragando, seja com pontas espigadas, seja com marcas nos fios, seja com o volume aumentado.

Mas essa ação de passar a prancha com os cabelos sujos deixa os fios oleosos, porque a oleosidade da raiz se espalha pelo comprimento dos fios, fazendo com que eles grudem.

2. Fazer chapinha com o cabelo molhado

Nunca faça chapinha em cabelos molhados. O efeito causado é de fritar o cabelo, destruindo suas fibras capilares. O ressecamento e a queima são certos. Por isso seque bem seu cabelo antes de fazer chapinha.

3. Não utilizar protetores térmicos

Os produtos termoativos formam uma película que protegem os fios contra as altas temperaturas durante a chapinha, minimizando e até evitando os danos dela provenientes. Mas evite passar produtos na raiz dos cabelos, pois favorecem o excesso de oleosidade.

4. Não separar os cabelos em mechas

Tem gente que não quer perder tempo separando os cabelos e passa a chapinha aleatoriamente sem tomar os devidos cuidados de pegar mecha por mecha. Essa atitude fará com que você perca mais tempo passando a prancha nos cabelos, além de destruir os fios por passá-la seguidas vezes.

5. Passar as mãos no cabelo

A forma correta de fazer prancha é colocar em uma mão a chapinha e em outra um pente ou palito de cabelo que irá auxiliá-lo a pegar as mexas sem precisar utilizar as mãos – visto que, ao não tomar esse cuidado, além de passar sujeira e umidade para os cabelos, ainda corre o risco de se queimar.

6. Parar a chapinha na metade do fio

É comum algumas pessoas pararem a chapinha na metade dos fios ou nas pontas para forçar o alisamento. Porém, essa atitude destrói o cabelo. Quanto mais tempo a prancha ficar no cabelo mais queimará o fio. Por isso, evite parar a chapinha, faça movimentos rápidos, constantes e no máximo três vezes por mecha.

7. Usar a chapinha todos os dias

Existem dois tipos de opinião no que tange ao uso diário das chapinhas. A primeira é de que o uso contínuo prejudica demais a fibra capilar, e a segunda – dada por profissionais – é a de que, mantendo-se os devidos cuidados a chapinha não causa dano algum. Então, se você precisa usar essa ferramenta todos os dias, abuse dos produtos hidratantes e protetores.

8. Fazer chapinha em cabelos danificados

É fato que fazer chapinhas em cabelos danificados, além de piorar a situação, não ficam tão bonitos. Os cabelos ressecados ou com frizz normalmente são difíceis de ser controlados. Os fios quebrados ficam espetados, ásperos e é preciso muito produto para dar-lhes brilho e maciez. A dica é evitar ao máximo pranchar o cabelo danificado e focar em hidratações até que o fio esteja mais forte e pronto para receber altas temperaturas.

9. Utilizar a potência máxima em qualquer tipo de cabelo

É um erro utilizar a potência máxima em qualquer tipo de cabelo para apressar o procedimento de alisamento por chapinha. Cabelos mais finos alisam facilmente em temperaturas baixas e médias, já cabelos volumosos e grossos necessitam de temperaturas maiores.

10. Usar a primeira chapinha que estiver à sua frente

Um grande erro é achar que as chapinhas são todas iguais e usa-se a primeira que estiver à sua frente. Algumas chapinhas são melhores que outras, então veja bem quais as funções que mais ajudam no processo de chapagem e que minimizam os danos causados pelo uso delas. Uma dica é priorizar chapinhas com placa de cerâmica, íons e raios infravermelhos.

Lido 3096 vezes

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Sobre Mim

Atuo no mercar de beleza e bem estar há mais de 10 anos, hoje compartilho esse conhecimento com milhares de pessoas através de meus projeto. Revolucione seu visual e fique muito mais linda. Beijos.

Entre em Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Guia de Compras